Divisor mínimo derruba valor dos benefícios do INSS

A Lei 14.331/2022 teve porquê objetivo principal dispor sobre o pagamento de honorários periciais nos processos previdenciários de benefícios por incapacidade. No entanto, o governo aproveitou a oportunidade para inserir na lei também uma novidade regra de conta, que afeta principalmente a aposentadoria por idade.

A novidade regra vale para os benefícios concedidos a partir de 5 de maio de 2022, e agora o divisor mínimo para a média dos salários é 108, mesmo que existam um número subordinado de contribuições no período de conta. Utiliza-se o divisor mínimo no conta das aposentadorias do INSS, exceto a aposentadoria por incapacidade permanente.

Se o segurado tiver unicamente 50 contribuições no período de conta, a soma será dividida pelo divisor mínimo de 108, o que reduz o valor da aposentadoria. A regra novidade só não diminuirá o valor da aposentadoria se o segurado tiver realizado mais de 108 contribuições a partir de julho de 1994.

Assim, a lei também acabou com o chamado “milagre da imposto única”, porque se o segurado tiver unicamente uma imposto no período de conta ela será dividida por 108, resultando sempre em um mercê de valor mínimo.

Quer entender porquê a novidade regra do divisor mínimo afeta o segurado na prática? Logo, assista o vídeo:

Quer se manter informado com as principais notícias no mundo do recta previdenciário? Logo, não deixe de acessar o site do Previdenciarista!


Prev Casos

Você é segurado e está nessa situação? Logo, acesse o Prev Casos! Clique AQUI e responda um formulário rápido e prático. Em seguida um dos advogados do nosso banco de especialistas vai entrar em contato com você!

Você é ADVOGADO(A)? Logo, receba novos casos no conforto de sua vivenda ou escritório: Clique cá para saber o PREV CASOS 

Diretório de Advogados

Você prefere escolher livremente um legisperito de sua região? Logo, basta acessar o nosso Diretório de Advogados. Clique AQUI. Assim, você encontra Advogados Previdenciaristas na sua região.

Nascente do item

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
1