Benefícios: Quem pode receber o BPC?

Descubra qual é Mudança no BPC (LOAS) e quais são os requisitos exigidos para o mercê previdenciário.

O BPC é um mercê que não exige taxa ao INSS, mas para isso o segurado precisa preencher os requisitos de renda exigidos.

O que trazemos neste post é uma novidade legislativa que vai ajudar muitos cidadãos que não preenchiam os requisitos de renda e agora poderão solicitar o BPC.

Continue a leitura deste post e descubra quais são os requisitos exigidos para o BPC e qual é a novidade sobre nascente tema.

Quem pode receber o BPC?

O BPC, Obséquio de Prestação Continuada, ou LOAS, porquê é popularmente sabido, é talhado aos idosos e pessoas com deficiência em quesito de miserabilidade.

Portanto, se destina a pessoas que não possuem condições de manter o próprio sustento ou sem ter quem o faça.

Para ter recta ao mercê é preciso preencher um dos requisitos aquém:

  • Idoso com 65 anos de idade ou mais;
  • Pessoa com deficiência que comprove sua impossibilidade de trabalhar e participar em paridade de condições com o restante da sociedade.

Para os casos de mercê por deficiência, essa licença é sujeita à avaliação do intensidade de impedimento, por perícia médica e social realizada pelos peritos e assistentes sociais do INSS.

Limite de RENDA para receber o BPC – Mudança no BPC (LOAS)

Além do critério de idade ou quesito de deficiência, outro requisito obrigatório é a renda máxima.

Para ter recta ao mercê o cidadão deve possuir renda máxima de ¼ do salário mínimo vigente por pessoa do grupo familiar.

Grupo familiar são as pessoas do seu convívio familiar que residem na mesma morada que você.

Nascente critério de renda máxima de ¼ do salário mínimo por pessoa é a regra padrão, mas agora, em Junho de 2021 uma novidade editaram uma novidade norma ampliando os direitos a nascente mercê.

Agora vem a novidade sobre a Mudança no BPC (LOAS)!

Segundo o que dispõe a Lei nº 14.176/21, cumprindo os requisitos o cidadão pode receber o BPC ainda que a renda por pessoa do grupo familiar seja de ½ salário mínimo.

Para isso o segurado deve preencher os critérios estabelecidos pela legislação que são:

  • Estudo do o intensidade da deficiência;
  • obediência de terceiros para o desempenho de atividades básicas da vida diária; e
  • O comprometimento do orçamento do núcleo familiar com gastos médicos, com tratamentos de saúde, com fraldas, com provisões especiais e com medicamentos do idoso ou da pessoa com deficiência não disponibilizados gratuitamente pelo SUS, ou com serviços não prestados pelo SUS, desde que comprovadamente necessários à preservação da saúde e da vida.

Logo, preenchendo esses pontos determinados pela legislação, ainda que a renda por pessoa da família seja de meio salário mínimo, ainda sim será  verosímil receber o BPC.

Preciso contribuir para o INSS para ter recta ao BPC?

O BPC é um mercê assistencial, portanto não o INSS não exige contribuições para que o segurado possa receber o mercê.

Laura Elisa Fernandes Porto Costa, OAB/MG 172.171, redigiu nascente item.

Veja o Treta dos Famosos e fique atualizado de notícias dos famosos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
1